Postulante ao cargo de deputado estadual pelo MDB no Rio Grande do Sul, Claudio Cavalo mencionou o óbito do automobilista para crescer politicamente e foi duramente criticado nas redes sociais

Reprodução/Twitter/@televisaonors – 30/08/2022 – ARMANDO FRANCA/APF – 19/01/1994Ayrton Senna e Claudio Cavalo
Candidato Claudio Cavalo usou o acidente fatal de Ayrton Senna para pedir votos em sua campanha eleitoral

Candidato ao cargo de deputado estadual no Rio Grande do Sul, Claudio Cavalo (MDB-RS) veiculou em sua participação no horário eleitoral gratuito uma campanha para angariar votos em que o político compara sua campanha ao acidente fatal que tirou a vida do ex-piloto de Fórmula 1, Ayrton Senna. Na inserção, o postulante a uma cadeira no legislativo gaúcho disse: “Não quero ser o Ayrton Senna da política. Não me deixe morrer na curva, É ‘nozes’”. Usuários nas redes sociais passaram a criticar o rapaz pela comparação de sua corrida à Assembleia Legislativa com o esportista que faleceu durante corrida do Grande Prêmio de San Marin, em Ímola, em maio de 1994. “Inacreditável alguém pensar que isso foi uma boa ideia”, disse uma internauta. O usuário Sérgio Galvani classificou o episódio como “patético” e chamou Claudio de “sem noção”. Já Juliano Simch desejou que o homem não seja eleito nas eleições de outubro.





Source link

Comente a matéria: