Música

Domingo Especial: pais e filhos ícones da música


É fato que no mundo da música há diversos pais que se inspiram em seus filhos dedicando diversas de suas obras a eles. Além disso, também há aqueles que já crescem envolvidos na música, e que a maioria vai mais longe e segue os passos de seus pais construindo sua carreira musical própria.

Por isso, em homenagem ao Dia dos Pais, separamos algumas parcerias entre pais e filhos, ou filhos que se inspiraram nas carreiras musicais de seus pais. Confira a lista!

Paul McCartney e James McCartney

Imagem de conteúdo da notícia "Domingo Especial: pais e filhos ícones da música" #1

Toque para aumentar

James McCartney nasceu no dia 12 de setembro de 1977 na cidade de Londres. Sendo o único filho do ex-beatle Paul McCartney e Linda McCartney, James já se envolvia na carreira musical de seus pais, aparecendo e colaborando em diversos dos álbuns deles.

Ele chegou a tocar guitarra e bateria nos compilados solo de Paul incluindo “Flaming Pie” (1997) e “Driving Rain” (2001), além de co-escrever algumas canções. No disco lançado em 1997 James tem um momento solo de guitarra elétrica na faixa “Heaven on a Sunday”, e no de 2001 ele co-escreveu as canções “Spinning on an Axis” e “Back in the Sunshine Again” com seu pai, e tocou percussão na primeira música citada e guitarra na segunda.

E não foi apenas com Paul que James colaborou. Ele também tocou a guitarra principal no álbum solo póstumo de sua mãe, intitulado “Wide Prairie” (1998).

Confira um momento icônico em que James McCartney, Sir Paul McCartney e Ronnie Wood apresentam “New York Times” no Teatro Ambassadors, em Londres, em de março de 2013.



Bob Dylan e Jakob Dylan

Imagem de conteúdo da notícia "Domingo Especial: pais e filhos ícones da música" #2

Toque para aumentar

Jakob Dylan é um dos artistas que foi definitivamente influenciado pela carreira de seu pai, Bob Dylan. Ele alcançou sua fama em meados de 1989 como vocalista e principal compositor da banda de rock, formada por ele mesmo, intitulada “The Wallflowers”.

Até mesmo antes disso, ele já havia participado de diversas bandas indie, mas o sucesso veio de fato com os lançamentos dos singles “6th Avenue Heartache” e “One Headlight”, que está em 58º lugar na lista da Rolling Stone das “100 Maiores Músicas Pop”, além de ter ganhado dois prêmios Grammy.

Por volta do ano dos anos 2000, Jakob lançou dois álbuns solo: “Seeing Things” (2008) e “Women + Country”(2010). Esta última coletânea se tornou a mais bem sucedida de Dylan desde o avanço dos Wallflowers em 1996, chegando a 12ª posição na Billboard 200.

Relembre a canção “One Headlight”:



Ozzy Osbourne e Kelly Osbourne

Imagem de conteúdo da notícia "Domingo Especial: pais e filhos ícones da música" #3

Toque para aumentar

Você sabia que o único single nº 1 no Reino Unido de Ozzy Osbourne foi um dueto com sua filha Kelly Osbourne?

Intitulado “Changes”, o single foi originalmente lançado pela banda de heavy metal Black Sabbath em 1972, na qual Ozzy era o vocalista. Depois de três décadas, o artista e sua filha ,Kelly, gravaram uma nova versão com as suas próprias vozes e a letra reformulada falando sobre os momentos da vida deles entre pai e filha..

Além de alcançar o topo do ranking no Reino Unido, a nova versão atingiu o Top 20 em países como Alemanha, Irlanda e Noruega. A obra também o single nº 7 do ano de 2003, de acordo com a Official Charts.

Confira:



Michael Jackson e Paris Jackson

Imagem de conteúdo da notícia "Domingo Especial: pais e filhos ícones da música" #4

Toque para aumentar

Paris Jackson foi outra artista que também decidiu seguir carreira musical ao se inspirar em seu pai, Michael Jackson. A segunda filha do Rei do Pop lançou no final de 2020 o primeiro single de sua carreira, intitulado “Let Down”.

“Esta música significa muito para mim porque, embora seja uma pequena parte de uma história muito maior, coloquei meu coração e minha alma nela”, escreveu Paris em uma publicação no Instagram na época da estreia.

Relembre o sucesso da artista:



Billy Ray Cyrus e Miley Cyrus

Imagem de conteúdo da notícia "Domingo Especial: pais e filhos ícones da música" #5

Toque para aumentar

E é claro que para encerrar a lista não poderia faltar a cantora Miley Cyrus e seu pai, o cantor country Billy Ray Cyrus. A artista também se inspirou na carreira de Billy, que entrou para a indústria fonográfica com o sucesso do seu álbum de estreia “Some Gave All” em 1992.

A primeira experiência de Miley com a música foi quando ela tinha 13 anos e fez o teste para a série de televisão do Disney Channel Hannah Montana. Inclusive, Billy também fez o papel do pai da protagonista, interpretada por Miley. Daí em diante foi hit atrás de hit, que acabou alavancando de vez sua carreira musical até os dias de hoje, sendo extremamente reconhecida e premiada nos mais cobiçados eventos.

Uma curiosidade é que todos os irmãos maternos da cantora são artistas estabelecidos. Trace Cyrus é vocalista e guitarrista da banda pop eletrônica chamada Metro Station; Noah Cyrus é atriz e junto com Braison Cyrus, modela, canta e compõe canções.

Assista a performance da dupla cantando juntos “Butterfly Fly Away” no vídeoclipe oficial do longa “Hannah Montana: The Movie!”:



Veja também:

DICAS DA SEMANA (08/08 A 12/08)

AS 5 CAPAS DE ÁLBUM MAIS ICÔNICAS DA HISTÓRIA



Source link

Bandas que fizeram sucesso nos anos 70

Com Flipar

“Fix You”: descubra o significado da canção de …


Coldplay é, sem dúvidas, uma das bandas de maior sucesso da atualidade. O grupo que já está na estrada há quase 30 anos possui grandes hits em sua bagagem.

Entre batidas envolventes e letras emocionantes, “Fix You” é uma faixa que chama atenção. Mas o que muitos não sabem é a história por trás dessa composição; e é isso que você descobrirá aqui.

Imagem de conteúdo da notícia ""Fix You": descubra o significado da canção de Coldplay" #1

Toque para aumentar

“Fix You” é uma das faixas do disco “X&Y”, terceiro projeto de estúdio de Coldplay. Lançada em 2005, a canção é um hino atemporal da banda britânica.

Não à toa a música explodiu e conquistou o coração do público do mundo todo. A letra emocionante, envolvente, quase como se conversasse com quem a escuta, é, na verdade, pautada em uma história real.

A composição criada pelos membros do quarteto foi escrita visando ajudar Gwyneth Paltrow, na época namorada de Chris Martin, a superar um momento difícil que estava passando.

Imagem de conteúdo da notícia ""Fix You": descubra o significado da canção de Coldplay" #2

Toque para aumentar

No ano de 2002, o diretor de cinema Bruce Paltrow, pai de Gwyneth, faleceu. Toda sua família ficou muito abalada, mas em especial a filha sentiu muito a perda.

Como forma de aconchego e apoio, Gwyneth e Chris ouviam muito as canções de “Parachutes”, álbum de estreia de Coldplay. E foi através dessa perspectiva que Martin começou a rascunhar os primeiros versos de “Fix You”.

Motivado em ajudar sua esposa a passar pelo luto, Martin e os demais membros do Coldplay lançaram “Fix You” e a canção acabou se tornando um dos maiores sucessos da banda. Afinal, dialoga com uma mensagem que é universal: ajudar e apoiar quem amamos.

https://www.youtube.com/watch?v=k4V3Mo61fJM

Confira a letra e tradução de “Fix You”, do Coldplay:

Letra

When you try your best, but you don’t succeed

When you get what you want, but not what you need

When you feel so tired, but you can’t sleep

Stuck in reverse

And the tears come streaming down your face

When you lose something you can’t replace

When you love someone, but it goes to waste

Could it be worse?

Lights will guide you home

And ignite your bones

And I will try to fix you

And high up above, or down below

When you’re too in love to let it go

But if you never try, you’ll never know

Just what you’re worth

Lights will guide you home

And ignite your bones

And I will try to fix you

Tears stream down your face

When you lose something you cannot replace

Tears stream down your face, and I

Tears stream down your face

I promise you I will learn from my mistakes

Tears stream down your face, and I

Lights will guide you home

And ignite your bones

And I will try to fix you

Tradução

Quando você tenta o seu melhor, mas não tem sucesso

Quando você consegue o que quer, mas não o que precisa

Quando você se sente cansado, mas não consegue dormir

Preso em marcha ré

E as lágrimas começam a rolar pelo seu rosto

Quando você perde algo que não pode substituir

Quando você ama alguém, mas é desperdiçado

Poderia ser pior?

Luzes te guiarão até em casa

E aquecerão seus ossos

E vou tentar te consertar

Bem no alto ou bem lá embaixo

Quando você está muito apaixonado para esquecer

Mas se você nunca tentar, você nunca saberá

O quanto você vale

Luzes te guiarão até em casa

E aquecerão seus ossos

E vou tentar te consertar

Lágrimas rolam no seu rosto

Quando você perde algo que não pode substituir

Lágrimas rolam pelo seu rosto

E eu

Lágrimas rolam pelo seu rosto

Eu te prometo que vou aprender com meus erros

Lágrimas rolam pelo seu rosto

E eu

Luzes te guiarão até em casa

E aquecerão seus ossos

E vou tentar te consertar

Veja também: #TBT:JOHN LENNON GRAVAVA SEU ÚLTIMO ÁLBUM, “DOUBLE FANTASY”, EM 1980

LETRA E TRADUÇÃO: THE MOODY BLUES – TALKING OUT OF TURN



Source link

Letra e Tradução: Pet Shop Boys – West End Girls


Aprenda a cantar e confira o significado de hits com a Antena 1 de uma maneira divertida e prática. O single de hoje é “West End Girls” da dupla inglesa Pet Shop Boys.

Pet Shop Boys usando Smokings olhando para frente

Toque para aumentar

A canção lançada em 1984 foi o primeiro single dos músicos Neil Tennant – vocal principal, teclados e guitarra – e Chris Lowe – teclados e vocais – já conquistando enorme sucesso entre o público e a crítica, que a descreveu como hipnótica e uma música contagiante.

Em 1987, “West End Girls” levou o prêmio de Melhor Single no Brit Awards. Além disso, o hit ganhou o título de Melhor Hit Internacional no Ivor Novello Awards. Quase três décadas depois, em 2015 a música foi, por voto popular, colocada como uma das favoritas da nação.

Mas o sucesso não para por aí, “West End Girls” é tida como uma das melhores músicas britânicas, atingindo o topo do ranking do Reino Unido e sendo eleita a melhor a alcançar a posição.

A canção foi a segunda faixa do disco “Please”, de 1986. A música fala sobre as garotas da região do West End, em Londres. Nessa área, a maioria dos jovens ficavam procurando garotas ricas para namorar.

Os primeiros versos fazem referência ao livro “Moby Dick”. O começo se refere à depressão que o personagem do livro, Ishmael, sofre.

“Sometimes you’re better off dead

There’s a gun in your hand, and it’s pointing at your head

You think you’re mad, too unstable

Kicking in chairs and knocking down tables”

Mais a frente um bar, o “Dive Bar”,onde os músicos costumavam ir para curtir as noites.

“Running down underground to a dive bar”

Nos versos mais a frente uma teoria surge. Ao se referir a cartazes com caras na parede, não se sabe se os músicos se referem a posters de procurados ou a anúncios de shows e de bandas.

“Faces on posters, too many choices

Nos versos uma referência é feita à música “Heart Of Glass”, do grupo Blondie.

“You’ve got a heart of glass or a heart of stone”

Confira a letra e a tradução de “West End Girls”:

West End Girls

Sometimes you’re better off dead

There’s a gun in your hand, and it’s pointing at your head

You think you’re mad, too unstable

Kicking in chairs and knocking down tables

In a restaurant in a west end town

Call the police, there’s a madman around

Running down underground to a dive bar

In a west end town

In a west end town, a dead end world

The east end boys and west end girls

In a west end town, a dead end world

The east end boys and west end girls

West end girls

Too many shadows, whispering voices

Faces on posters, too many choices

If, when, why, what?

How much have you got?

Have you got it, do you get it, if so, how often?

And which do you choose, a hard or soft option? (how much do you need?)

In a west end town, a dead end world

The east end boys and west end girls

In a west end town, a dead end world

The east end boys and west end girls

West end girls

West end girls

(How much do you need?)

In a west end town, a dead end world

The east end boys and west end girls

Oh, west end town, a dead end world

East end boys, west end girls

West end girls

You’ve got a heart of glass or a heart of stone

Just you wait till I get you home

We’ve got no future, we’ve got no past

Here today, built to last

In every city, in every nation

From lake Geneva to the Finland station (how far have you been?)

In a west end town, a dead end world

The east end boys and west end girls

A west end town, a dead end world

East end boys, west end girls

West end girls

West end girls

West end girls (how far have you been?)

Girls

East end boys

And west end girls

And west end girls (forever)

And west end girls (how far have you been?)

East end boys

The west end girls

The west end boys

The west end girls

The west end girls

The west end boys

The west end girls

As Garotas do West End

Às vezes é melhor você estar morto

Há um revolver na sua mão e ele está apontado para sua cabeça

Você acha que é maluco, instável demais

Chutando cadeiras e batendo em mesas

Em um restaurante num bairro do West End

Chamem a polícia, tem um louco à solta

Correndo às escondidas para um bar fuleiro

De um bairro do West End

Num bairro do West End, um mundo sem saída

Os garotos do East End e as garotas do West End

Num bairro do West End, um mundo sem saída

Os garotos do East End e as garotas do West End

Garotas do West End

Sombras demais, vozes sussurrantes

Rostos em pôsteres, escolhas demais

Se, quando, por quê, o quê?

Quanto você tem?

Você tem? Você consegue? Se sim, quantas vezes?

Qual você escolhe, uma opção leve ou pesada? (De quanto você precisa?)

Num bairro do West End, um mundo sem saída

Os garotos do East End e as garotas do West End

Num bairro do West End, um mundo sem saída

Os garotos do East End e as garotas do West End

Garotas do West End

Garotas do West End

De quanto você precisa?

Num bairro do West End, um mundo sem saída

Os garotos do East End e as garotas do West End

Num bairro do West End, um mundo sem saída

Garotos do East End, Garotas do West End

Garotas do West End

Você tem um coração de vidro ou um coração de pedra

Espere só até eu te levar em casa

Nós não temos futuro, Nós não temos passado

Aqui hoje, feito para durar

Em cada cidade, em cada nação

Do Lago Genebra à Estação Finlândia (Quão longe você foi)

Num bairro do West End, um mundo sem saída

Os garotos do East End e as garotas do West End

Num bairro do West End, um mundo sem saída

Garotos do East End, Garotas do West End

Garotas do West End

Garotas do West End

Garotas do West End (Quão longe você foi?)

Garotas

Garotos do East End

E garotas do West End

E garotas do West End (Para sempre)

E garotas do West End (Quão longe você foi?)

Garotos do East End

As garotas do West End

Os garotos do West End

As garotas do West End

As garotas do West End

Os garotos do East End

As garotas do West End



Source link

Letra e Tradução: Hozier – Take Me To Church


Aprenda a cantar e confira o significado de hits com a Antena 1 de uma maneira divertida e prática. O single de hoje é “Take Me To Churchdo músico e cantor irlandês Hozier.

A canção foi lançada no dia 13 de setembro de 2013, pela gravadora Rubyworks Records, para ser o seu 1º single da carreira e compor o seu álbum de estreia de mesmo nome, “Hozier”. Além de receber diversas críticas positivas, a coletânea se posicionou em 2º lugar na Billboard 200 e 3º no UK Albums e ARIA Charts .

Vale destacar que originalmente a música foi escrita e composta pelo próprio artista no sótão da casa de seus pais, localizada na cidade costeira irlandesa Bay, e posteriormente foi produzida por Rob Kirwan e Joe Fisher.

A música considerada de soul de ritmo médio, possui uma letra chamativa que utiliza um vocabulário religioso para escrever um relacionamento amoroso.

História da Música

Imagem de conteúdo da notícia "Letra e Tradução: Hozier - Take Me To Church" #1

Toque para aumentar

Como dito anteriormente, o processo da música se deu no “estúdio” improvisado do cantor em sua casa, mas é importante saber que antes disso Hozier já se dedicava para conquistar seu sonho de ser músico. Um pouco antes do lançamento, naquele mesmo ano, ele já costumava cantar pelas noites de Dublin.

Foi nesse período que ele escreveu a música, e não demorou muito para gravar uma demo bruta com uma faixa de acompanhamento programada. “Os vocais foram gravados no meu sótão às 2 horas da manhã. Então é um verdadeiro trabalho caseiro”, contou o artista a um tablóide voltado ao mundo da música na época.

A letra da obra foi inspirada após um término ruim e naquele momento Hozier estava tão inspirado a ponto de levar apenas três meses para escrever a canção. É importante destacar que o processo de composição de uma música depende de vários fatores, entre eles, por exemplo, a inspiração influencia bastante. Artistas da indústria fonográfica podem levar de 1 dia até 5 anos para finalizar a composição definitivamente, sem mais ajustes ou edições.

Em “Take Me To Church”, apenas dois músicos aparecem na faixa, o próprio cantor e o baterista irlandês Fiachra Kinder.

É claro que uma demo como essa iria chamar a atenção de gravadoras reconhecidas. Nesse caso, a Rubyworks Records demonstrou interesse e posteriormente emparelhou a obra com o produtor Rob Kirwan. Dessa maneira, a música passou a ser dublada com instrumentação ao vivo, entretanto os vocais de demonstração originais não foram mexidos porque Rob os achou “poderosos” e bons o suficiente para permanecer.

Relembre a faixa:



Desempenho Comercial

Quanto ao seu desempenho comercial, é claro que, como o esperado, foi um verdadeiro sucesso para alavancar a carreira de Hozier. “Take Me To Church” teve o seu primeiro destaque nas paradas na Irlanda em outubro de 2013, e pouco tempo depois alcançou o 2º lugar no Irish Singles Chart.

Em junho de 2014, o single foi enviado para as rádios estadunidenses pela gravadora Columbia Records. E então não demorou muito para a música alcançar o 2º lugar na Billboard Hot 100, onde ficou por três semanas consecutivas, permanecendo apenas atrás de “Blank Space” de Taylor Swift. Além disso, se tornou o seu primeiro single top 10 naquele país.

Em julho de 2015, a música vendeu aproximadamente 4,2 milhões cópias em território norte-americano, e dessa maneira a obra fez ainda mais sucesso mundialmente, chegando a alcançar o Top 5 em países como, Austrália, Canadá, Nova Zelândia e Reino Unido.

E sua popularidade não se manteve apenas nas principais rádios mundiais e no YouTube, “Take Me To Church” conquistou naquela época mais de 87 milhões de reproduções nas plataformas digitais musicais. Atualmente a obra ultrapassa de 1,7 bilhão de “plays”.

Inclusive, vale lembrar que no ano de 2019, um vídeo viralizou com o cantor performando a canção para passageiros na estação de metrô Rockefeller Center em março daquele ano.

Relembre:



Letra e Tradução

Em entrevista ao The Irish Times, o artista contou que na época “achou que a experiência de se apaixonar ou estar apaixonado era uma morte, uma morte de tudo… o mais breve momento – se você se ver por um momento através dos olhos deles – tudo o que você acreditava sobre si mesmo desapareceu.”

Aprenda a cantar e confira o significado de inúmeros hits com a Antena 1 de uma maneira divertida e prática. Confira o vídeo exclusivo da Antena 1 de “Take Me To Church”:


Confira a letra e a tradução de “Take Me To Church”, de Hozier:

My lover’s got humour

She’s the giggle at a funeral

Knows everybody’s disapproval

I should’ve worshipped her sooner

Minha amada tem humor

Ela é a risadinha no funeral

Ela sabe que todos desaprovam

Eu devia tê-la venerado antes

If the heavens ever did speak

She is the last true mouthpiece

Every Sunday’s getting more bleak

A fresh poison each week

Se os céus falassem

Ela é a última profetisa verdadeira

Cada domingo fica mais sombrio

Um veneno fresco a cada semana

We were born sick

You heard them say it

Nós nascemos doentes

Você os escuta dizendo

My church offers no absolutions

She tells me: Worship in the bedroom

The only heaven I’ll be sent to

Is when I’m alone with you

Minha igreja não oferece absolvições

Ela me diz: Louve entre quatro paredes

O único paraíso para onde serei enviado

Vai ser quando eu estiver sozinho com você

I was born sick, but I love it

Command me to be well

Ah, amen, amen, amen

Eu nasci doente, mas adoro isso

Ordene-me que eu me cure

Ah, amém, amém, amém

Take me to church

I’ll worship like a dog

At the shrine of your lies

I’ll tell you my sins

So you can sharpen your knife

Offer me that deathless death

Good God, let me give you my life

Leve-me à igreja

Louvarei como um cão

No santuário de suas mentiras

Vou lhe contar meus pecados

Para você afiar sua faca

Ofereça-me aquela morte imortal

Bom Deus, deixe eu te entregar a minha vida

Take me to church

I’ll worship like a dog

At the shrine of your lies

I’ll tell you my sins

So you can sharpen your knife

Offer me that deathless death

Good God, let me give you my life

Leve-me à igreja

Louvarei como um cão

No santuário de suas mentiras

Vou lhe contar meus pecados

Para você afiar sua faca

Ofereça-me aquela morte imortal

Bom Deus, deixe eu te entregar a minha vida

If I’m a pagan of the good times

My lover is the sunlight

To keep the goddess on my side

She demands a sacrifice

Drain the whole sea, get something shiny

Se sou um pagão dos bons tempos

Minha amada é a luz do sol

E para manter a deusa ao meu lado

Ela exige um sacrifício

Drene todo o mar, pegue algo brilhante

Something meaty for the main course

That’s a fine looking high horse

What you got in the stable?

We’ve a lot of starving faithful

That looks tasty, that looks plenty

This is hungry work

Algo carnudo para o prato principal

Esse é um belo pedestal

O que você tem no estábulo?

Nós temos um monte de fiéis famintos

Isso parece saboroso, isso parece abundante

Esse trabalho é insaciável

Take me to church

I’ll worship like a dog

At the shrine of your lies

I’ll tell you my sins

So you can sharpen your knife

Offer me my deathless death

Good God, let me give you my life

Leve-me à igreja

Louvarei como um cão

No santuário de suas mentiras

Vou lhe contar meus pecados

Para você afiar sua faca

Ofereça-me aquela morte imortal

Bom Deus, deixe eu te entregar a minha vida

Take me to church

I’ll worship like a dog

At the shrine of your lies

I’ll tell you my sins

So you can sharpen your knife

Offer me my deathless death

Good God, let me give you my life

Leve-me à igreja

Louvarei como um cão

No santuário de suas mentiras

Vou lhe contar meus pecados

Para você afiar sua faca

Ofereça-me aquela morte imortal

Bom Deus, deixe eu te entregar a minha vida

No masters or kings

When the ritual begins

There is no sweeter innocence

Than our gentle sin

Nada de mestres ou reis

Quando o ritual começa

Não existe inocência mais pura

Do que nosso doce pecado

In the madness and soil

Of that sad earthly scene

Only then I am human

Only then I am clean, oh, oh

Amen, amen, amen

Na loucura e imundície

Desta triste cena mundana

Só então sou humano

Só então me torno puro, oh, oh

Amém, amém, amém

Take me to church

I’ll worship like a dog

At the shrine of your lies

I’ll tell you my sins

So you can sharpen your knife

Offer me that deathless death

Good God, let me give you my life

Leve-me à igreja

Louvarei como um cão

No santuário de suas mentiras

Vou lhe contar meus pecados

Para você afiar sua faca

Ofereça-me aquela morte imortal

Bom Deus, deixe eu te entregar a minha vida

Take me to church

I’ll worship like a dog

At the shrine of your lies

I’ll tell you my sins

So you can sharpen your knife

Offer me that deathless death

Good God, let me give you my life

Leve-me à igreja

Louvarei como um cão

No santuário de suas mentiras

Vou lhe contar meus pecados

Para você afiar sua faca

Ofereça-me aquela morte imortal

Bom Deus, deixe eu te entregar a minha vida

Veja também:

COM “BREAK MY SOUL” BEYONCÉ ATINGE PRIMEIRO LUGAR NA BILLBOARD

LADO PESSOAL: MILLENA MACHADO ENTREVISTA ANDREA MANSANO



Source link

Letra e Tradução: The Moody Blues – Talking Out …


Aprenda a cantar e confira o significado de hits com a Antena 1 de uma maneira divertida e prática. O single de hoje é “Talking Out Of Turn” da banda britânica de rock, The Moody Blues.

A canção foi lançada no dia 10 de novembro de 1981, através da gravadora Threshold Records, como terceiro e último single que faz parte de seu décimo álbum de estúdio, intitulado “Long Distance Voyager” (1981). O disco foi um best-seller no topo das paradas nos EUA e Canadá, além de fazer parte do Top 10 no Reino Unido e na Nova Zelândia.

A música do gênero rock progressivo foi escrita pelo baixista John Lodge e produzida por Pip Williams. Ela tem a duração de quase sete minutos e meio, apenas cinco segundos antes de “Nights in White Satin”. Posteriormente, foi lançada oficialmente como single em novembro de 1981, com “Veteran Cosmic Rocker” no lado B.

Relembre o hit:



O minuto final instrumental da obra fecha a primeira hora do talk show norte-americano de rádio “The Mike Malloy Show” todas as noites da semana.

“Talking Out Of Turn”, após o lançamento, se tornou um sucesso em território norte-americano, alcançando a 65ª posição na Billboard Hot 100 e 60ª na US Cash Box Top 100. Vale destacar que foi melhor no Top Singles RPM Canadá, onde alcançou a 27ª colocação.

Na performance musical, John Lodge ficou responsável pelos vocais, violão de 12 cordas e baixo; Justin Hayward com backing vocals e guitarras acústicas e elétricas; Ray Thomas com vocais de apoio; Patrick Moraz com Polymoog , Yamaha CS80 , vocoder e Minimoog; e Graeme Edge com bateria , pratos com overdub e bateria Simmons.

A música fala sobre alguém que “fala fora de hora”. O lírico canta que usou palavras raivosas que fizeram com que sua amada se separasse dele emocionalmente, e que agora ele se considera um tolo por ter sido o responsável por abrir mão de um futuro juntos devido ao seu jeito mal escolhido de falar.

Em alguns trechos ele canta “Se eu te chateei, eu não queria te machucar, eu não queria te fazer chorar”, ou seja, ele a aborreceu o suficiente para que ela chorasse em resposta ao seu discurso raivoso.

Na expressão inglesa, “falar fora de hora” significa dizer algo inadequado em um momento impróprio, ou quando não se tem autoridade para fazê-lo. De qualquer forma, as palavras do lírico causaram danos irreparáveis em seu relacionamento.

Consequentemente, ele acabou deixando a pessoa amada “escorregar por entre meus dedos” e “escapar”. Encontrando-se mais uma vez solitário, ele conclui que o relacionamento está “despedaçado” e se questiona “quando vou aprender”.

Letra e Tradução

Aprenda a cantar e confira o significado de inúmeros hits com a Antena 1 de uma maneira divertida e prática. Confira o vídeo exclusivo da Antena 1 de “Talking Out Of Turn”:



When I took a little loving from you

Oh I, never thought about the hurting inside

But I took a little more than I should

Oh why, can’t explain that I would ever

Let you slip through my fingers

Let you escape like yesterday

I would appreciate you knowing

I thought you love had come to stay

Quando recebia um pouco do seu amor

Oh, eu nunca pensei que iria doer tanto aqui dentro

Porque eu amei um pouco mais do que devia

Ah porque será…não sei explicar que eu sempre

Deixei você escorregar por entre meus dedos

Deixei que se fosse como em outro dia

Eu iria adorar que você soubesse

Pensei que o seu amor tivesse vindo para ficar…

CHORUS

Talking out of turn

Shot to pieces

When will I learn

Talking out of turn

Shot to pieces

When will I learn

Refrão

Falando fora de hora

Atingido, em pedaços…

Quando irei aprender?

Falando fora de hora

Atingido, em pedaços…

Quando irei aprender?

But I took a little more of you each day

When I didn’t see that I was breaking you apart

With angry words of love I didn’t mean

Oh why, can’t believe that I would ever

Talk myself out of tomorrow

Talked like a fool to yesterday

And as the evening loses colour

Your love began to fade away

Mas, a cada dia eu mais me apegava a você

Mas eu não sabia que estava te afastando

Com furiosas palavras de amor, eu não sabia

Ah porque será, não consigo acreditar, que devia ter

Falar para mim mesmo esquecer o amanhã

Falador como um tolo sobre o passado

E assim como o anoitecer perde a cor

Seu amor começa a desvanecer…

CHORUS

Refrão

Talking out of turn

Talking out of turn

Falando fora de hora

Falando fora de hora

If I upset you

I didn’t mean to hurt you

I didn’t mean to make you cry

I don’t need an alibi

To start me talking out of turn

Se eu te frustrei

Eu não queria tê-la magoado

Eu não queria tê-la feito chorar

E não preciso de um àlibi

Para que comece a falar em voltar atrás

When I took a little loving from you

Oh I, can’t believe that I would ever

Let you slip through my fingers

Let you escape like yesterday

I would appreciate you knowing

I thought your love had come to stay

Quando recebia um pouco do seu amor

Oh eu não posso acreditar que eu sempre

Deixei você escorregar por entre meus dedos

Deixei que se fosse como em outro dia

Eu iria adorar que você soubesse

Pensei que o seu amor tivesse vindo para ficar..

CHORUS

Refrão

VEJA TAMBÉM:

PLAYLIST ANTENA 1: AS 10 MELHORES MÚSICAS DA OLIVIA NEWTON JOHN

LETRA E TRADUÇÃO: CHRIS DE BURGH – LOVE IS MY DECISION



Source link

Playlist Antena 1: as 10 melhores músicas da Olivia Newton John


A cantora e atriz Olivia Newton-John, falecida nesta última segunda-feira (8), marcou a música pop com vários sucessos desde seus dias de folk, em que cantava cover de Bob Dylan, e do estouro de “Grease”, quando gravou duetos com John Travolta.  

Ela também foi uma das maiores estrelas da geração. O clipe de “Physical”, foi um dos primeiros hits do canal em 1981 e chegou a vencer o Grammy de Vídeo do Ano. 

 

Em sua homenagem, a Antena 1 dedicou o quadro “Playlist Antena 1” de hoje para Olivia Newton John, com uma seleção das melhores faixas da cantora, e algumas colaborações, para você relembrar desde o início da carreira até os mais recentes lançamentos. 

Além disso, através do nosso grupo no Facebook, nós também selecionamos alguns ouvintes que compartilharam conosco qual a música favorita da artista. Descubra o que eles disseram e quem foram os escolhidos durante a matéria! 

 

1- I Honestly Love You  

Originalmente lançada na Austrália em 1974 como “I Love You”, “I Honestly Love You”, a música foi o primeiro single de Olivia a ser número 1 nas paradas dos Estados Unidos e do Canadá. 

O sucesso foi tão grande que rendeu para a cantora dois Grammys, de Gravação do Ano e Melhor Performance Solo de Pop. Rotulada como um soft rock, a canção marca uma fase inicial de sua carreira, quando as melodias eram mais sentimentais em vez de agitadas. 


 


 

2- You’re The One That I Want  

O dueto dançante entre Sandy e Danny é uma das cenas mais marcantes de Grease. O casal canta, em ritmo contagiante, como estão apaixonados um pelo outro.  

“You’re The One That I Want”, de Olivia Newton-John e John Travolta foi um sucesso durante o lançamento, passando quase seis meses no topo das paradas dos Estados Unidos, e ainda se tornou atemporal.  


 


 

3- Physical  

Olivia emplacou, em 1981, um dos hits mais potentes dos anos 80 e de toda sua carreira: Physical. Lembrada até os dias de hoje, a música a música conta com o clássico clipe que relaciona com exercícios físicos. A faixa fez tanto sucesso que ficou no primeiro lugar das paradas musicais por 10 semanas e teve mais de 1 milhão de cópias. 

 

[music-item artistSlug=olivia-newton-john musicSlug=physical] 

 

4- Heart Attack  

Lançada em 1982, Heart Attack é outro exemplar envolvente de faixas dançantes interpretadas por Olivia. O sentimento de um amor intenso, característico da música pop, é reforçado na letra, em que ela acusa sua paixonite de lhe causar um ataque cardíaco. Na premiação do Grammy de 1983, a música foi indicada a categoria Best Famale Pop Vocal Performance. 


 


5- Twist of Fate  

Em ritmo contagiante e enérgico, Newton-John canta sobre as peripécias dos destinos no amor em “Twist of Fate”. A música, lançada em 1983, faz parte da trilha sonora da comédia romântica Embalos a Dois que a cantora estrelou, novamente, ao lado de John Travolta. Sucesso pop, a canção ganhou destaque em 2017 quando foi adicionada à trilha sonora da segunda temporada de Stranger Things. 



6- If Not For You  

Este foi um dos grandes sucessos de Olivia Newton-John em escala internacional, e a colocou no mapa no importante mercado dos Estados Unidos pela primeira vez, onde a música foi # 1 nas paradas Adult Contemporary, acumula mais de 800 mil visualizações no Youtube. 


 


 

7- Summer Nights  

“Summer Nights” é mais uma música popular do musical Grease. Escrita por Jim Jacobs e Warren Casey, sua versão mais conhecida foi gravada por John Travolta e Olivia Newton-John para o filme “Grease”, de 1978, sendo lançada como single no mesmo ano. 

A faixa tornou-se um enorme sucesso nos Estados Unidos e no Reino Unido durante o verão de 1978. No Reino Unido o single ficou em primeiro lugar por sete semanas. 


 


 

8- Hopelessly Devoted To You 

“Hopelessly Devoted to You” é outra canção gravada pela cantora e compositora inglesa Olivia Newton-John para o filme Grease. O hit recebeu uma indicação ao Oscar de Melhor Canção Original, e alcançou o número três na Billboard Hot 100 dos EUA e o número sete na parada Adult Contemporary. 


 


 

9- Deeper Than Night 

“Deeper Than the Night” foi lançada como o segundo single do décimo álbum de estúdio de Newton-John, “Totally Hot”. 

A música alcançou o 11º lugar na Billboard Hot 100 dos EUA e o 18º no Canadá. Nas paradas adultas contemporâneas foi um sucesso maior, alcançando o 4º e o 7º lugar nesses países, respectivamente. 


 


 

10- Magic 

“Magic” é uma música gravada pela cantora especialmente para a trilha sonora do filme “Xanadu”, de 1980. Escrito e produzido por John Farrar, foi lançado como o primeiro single da trilha sonora em 23 de maio de 1980. O single foi número um na Billboard Hot 100 dos EUA por quatro semanas.


 


 

Veja também: MORRE OLIVIA NEWTON-JOHN AOS 73 ANOS

RELEMBRE A CARREIRA DE OLIVIA NEWTON-JOHN POR SEUS FILMES



Source link

Letra e Tradução: Phil Collins – I Wish It Would …


Aprenda a cantar e confira o significado de hits com a Antena 1 de uma maneira divertida e prática. O single de hoje é “I Wish It Would Rain Down” do cantor Phil Collins.

“I Wish It Would Rain Down” é um single do cantor Phil Collins com introdução do guitarrista Eric Clapton lançado em 1990 pela Warner Music. A canção foi um grande hit, atingido o número três na Billboard Hot 100 nos Estados Unidos, número 1 na RPM Top 100 no Canadá e número sete na UK Singles Chart.

Imagem de conteúdo da notícia "Letra e Tradução: Phil Collins - I Wish It Would Rain Down" #1

Toque para aumentar

Eric Clapton toca guitarra ao longo da música, que também apresenta um grande coral gospel. Sobre a contribuição de Clapton, Collins lembra: “Eu disse: ‘Eric, eu nunca pedi para você tocar? Vamos lá, eu tenho uma música na sua rua.'”

A letra dessa faixa trata das consequências de um relacionamento rompido. Eles se concentram principalmente na tristeza que o cantor sente como resultado de uma separação. Pela letra, apesar de estar totalmente ciente de que a relação acabou, o cantor ainda se apega a ela desesperadamente.

Curiosidades sobre a canção

– A letra dessa faixa foi escritas por Phil Collins.

– A música, que foi o segundo single do quarto álbum solo de estúdio de Collins “…Pero seriamente”, foi lançado oficialmente em 15 de janeiro de 1990 no Reino Unido. Ele se tornou um dos singles de maior sucesso de sua carreira solo.

-A faixa foi um grande sucesso para Collins. Ele teve um bom desempenho nas paradas. Alcançou o primeiro lugar no Canadá e na Polônia. No Billboard Hot 100 e no UK Singles Chart, atingiu o pico nas posições 3 e 7, respectivamente.

-Esta faixa passou um total de seis semanas na posição 1 no Canadian Singles Chart em 1990. Nenhuma música alcançou esse feito no Canadá naquele ano!

-Apesar dessa música ser um dos maiores sucessos solo de Collins, ele raramente a toca ao vivo.

-Essa faixa não foi a primeira vez que Clapton e Collins colaboraram. Por exemplo, cerca de uma década antes, Clapton também tocou guitarra com Collins em “If Leaving Me Is Easy”.

Imagem de conteúdo da notícia "Letra e Tradução: Phil Collins - I Wish It Would Rain Down" #2

Toque para aumentar

Sobre Videoclipe

No videoclipe da música, Collins interpreta um personagem chamado Billy, que sonha em se tornar uma mega estrela. Entre as estrelas do vídeo destaca-se o ator americano Jeffrey Tambor.

Também é estrelado por Eric Clapton, o baixista Leland Sklar e o baterista Chester Thompson. Sklar e Thompson são colaboradores de longa data de Collins. O clipe foi dirigido pelo diretor Jim Yukich. Yukich,fez seu nome dirigindo vários videoclipes de Phil Collins.

O videoclipe da música, que tem uma duração de 8:30, não está de forma alguma relacionado ao tema da letra da música.

Confira o videoclipe oficial:



Letra e tradução

You know I never meant to see you again

But I only passed by as a friend

All this time I stayed out of sight

I started wondering why

Now I …

Ooh, now I wish it would rain down

Down on me

Ooh, yes I wish it would rain

Rain down on me now

Ooh, yes I wish it would rain down

Down on me

Ooh, yes I wish it would rain on me

You said you didn’t need me in your life

Oh, I guess you were right

Oh, well I never meant to cause you no pain

But it looks like I did it again

Now I…

Now I wish it would rain down

Down on me

Ooh, yes I wish it would rain

Rain down on me now

Ooh, girl I wish it would rain down

Down on me

Ooh, yes I wish it would rain on me

Though your hurt is gone

Mines hanging on, inside

And I know

It’s eating me through

It’s eating me through

Every night and day

I’m just waiting on your sign

‘Cos I know

I know I never meant to cause you no pain

And I realize I let you down

But I know in my heart of hearts

I know I’m never gonna hold you again

Now I …

Now I wish it would rain down

Down on me

Oh, you know I wish it would rain

Rain down on me now

Ooh, yes I wish it would rain down

Down on me

Yes, you know I wish it would rain down

Rain down on me

Just rain down on me

Just let it rain down

Let it rain down

Let it rain down, oh yeah

Just let it rain down

Rain down on me

Just let it rain down

Just let it rain down

Just let it rain down

Just let it rain…

Você sabe que nunca pretendi te ver novamente

E apenas me fiz passar por um amigo

Todo esse tempo fiquei fora de vista

Comecei a me perguntar por que

Agora eu…

Ooh, agora eu eu queria que chovesse

Chovesse sobre mim

Ooh, sim eu queria que chovesse

Chovesse sobre mim agora

Ooh, sim eu queria que chovesse

Chovesse sobre mim

Ooh, sim eu queria que chovesse em mim

Você disse que não precisava de mim na sua vida

Oh, acho que você estava certa

Oh, eu nunca pretendi te causar nenhuma dor

Mas parece que fiz isto de novo

Agora eu…

Agora eu queria que chovesse

Chovesse sobre mim

Ooh, sim eu queria que chovesse

Chovesse sobre mim agora

Ooh, garota eu queria que chovesse

Chovesse sobre mim

Ooh, sim eu queria que chovesse em mim

Embora sua mágoa tenha passado

A minha persiste, por dentro

E eu sei

Ela está me corroendo

Ela está me corroendo

Toda noite e dia

Estou apenas esperando seu sinal

Pois eu sei

Eu sei que nunca pretendi te causar nenhuma dor

E me dou conta de que te decepcionei

Mas eu sei que no íntimo do meu coração

Eu sei que nunca vou tê-la em meus braços novamente

Agora eu…

Agora eu queria que chovesse

Chovesse sobre mim

Ooh, você sabe que eu queria que chovesse

Chovesse sobre mim agora

Ooh, sim eu queria que chovesse

Chovesse sobre mim

Sim, você sabe que eu queria que chovesse sobre mim

Chovesse sobre mim agora

Apenas chovesse sobre mim

Apenas deixe chover

Deixe chover

Deixe chover, oh yeah

Apenas deixe chover

Chover sobre mim

Apenas deixe chover

Apenas deixe chover

Apenas deixe chover

Apenas deixe chover…

Veja também: BRYAN ADAMS ANUNCIA EDIÇÃO DE LUXO DE “SO HAPPY IT HURTS”

BEYONCÉ X MADONNA: CANTORAS COLABORAM EM REMIX DE “BREAK MY SOUL”



Source link

Olivia Newton-John, estrela da música pop e de “Grease”, morre aos 73 anos

Por Bill Trott

(Reuters) – A cantora e atriz Olivia Newton-John, que atingiu o topo das paradas de música pop nas décadas de 1970 e 1980 com sucessos como “I Honestly Love You” e “Physical” e estrelou o filme musical “Grease”, morreu nesta segunda-feira, aos 73 anos, em sua casa no sul da Califórnia.

A morte da artista nascida no Reino Unido e criada na Austrália foi anunciada na conta dela no Instagram, dizendo que ela “faleceu pacificamente” em seu rancho “cercada por familiares e amigos”.

Newton-John, quatro vezes vencedora do Grammy, revelou há alguns anos que um câncer de mama havia sofrido metástase e se espalhado para suas costas, forçando-a a cancelar apresentações. Cerca de 25 anos antes, Newton-John se submetera a uma mastectomia parcial e estabelecera um centro de pesquisa e tratamento de câncer na Austrália.

A artista começou a se apresentar quando criança e se tornou uma estrela global depois de se mudar para os Estados Unidos. Loira, de olhos azuis e cheia de saúde, ela conseguiu seu primeiro sucesso em 1971 com “If Not for You”, uma música de Bob Dylan que também havia sido gravada por George Harrison.

Esse sucesso seria seguido nos anos seguintes por “Let Me Be There”, que lhe rendeu um Grammy de melhor performance vocal country feminina; “If You Love Me (Let Me Know)”, e duas músicas número 1 das paradas, “Have You Never Been Mellow” e “I Honestly Love You”. A última ganhou o Grammy de melhor performance pop feminina e de gravação do ano.

Newton-John também superou as estrelas country Loretta Lynn e Dolly Parton para ganhar o prêmio de cantora do ano da Country Music Association em 1974. O improvável sucesso de uma australiana na música country norte-americana incomodou muitos puristas de Nashville.

Mas as críticas não prejudicaram as vendas de Newton-John quando ela passou das paradas country para o pop, e a artista cimentou sua aclamação ao coestrelar com John Travolta em “Grease”, o filme de 1978 que se tornaria um dos musicais mais populares da história de Hollywood.

Dia dos Pais: produtos que todo pai fã da Antena …


Dias dos Pais é a melhor oportunidade de dar aquele presente que seu pai sempre quis. Sejam discos, roupas e até aquele item de coleção que ele vai adorar, tudo vale quando é dado com amor.

A Antena 1 reuniu uma lista de presentes para você dar para o seu pai fã da Número 1 em Música.

Disco Antena 1

FOTO

Talvez você não saiba, mas a Antena 1 já reuniu grandes faixas de sua programação em discos de vinil. Com músicas escolhidas a dedo pelos nossos programadores, os discos eram uma playlist especial.

É claro que com a volta do vinil para a moda, seu pai vai adorar o presente para relembrar as músicas que marcaram sua juventude com muito bom gosto

Alexa

Na era das assistentes virtuais, seu pai não pode ficar de fora. Além de ajudar a marcar horário, ouvir notícias e tirar dúvidas – das mais curiosas – seu pai pode usar a Alexa para ouvir a Antena 1.

Com esse presente, ele vai poder ter tudo o que precisa apenas com um comando de voz. Além de curiosidades sobre o dia, lista de compras e as frases mais engraçadas que cada uma das assistentes pode oferecer.

Smart TV

A Smart Tv é o futuro da televisão e seu pai não pode ficar de fora. Além de assistir seus programas favoritos ele pode acessar os streamings de filmes e séries, além de usar a Antena 1 na televisão e escutar nossa programação exclusiva.

Lembre-se que optar por maiores tamanhos e mais qualidade de imagem é sempre uma opção. Tvs 4K sempre serão uma ótima surpresa.

Fone de ouvido

Se seu pai é fã de boa música ele precisa poder ouvi-la em todo lugar na melhor qualidade possível. Por isso um bom fone de ouvido é o presente ideal para o seu pai. Auriculares ou Headphones. Com fio ou por bluetooth.

Com os diversos tipos e tamanhos uma pequena busca é o que se precisa para achar o melhor que servirá para seu pai. Um ideal para fazer exercícios, outro para a rotina do dia a dia, sempre existirá uma combinação perfeita.

Perfume

Um bom perfume também vai agradar muito seu pai. A Antena 1 selecionou alguns perfumes dos artistas para seu pai poder escolher o do ídolo.

HARRY STYLES — GUCCI MÉMOIRE D’UNE ODEUR

Harry Styles é um cantor é um cantor que transcende com sua música; o espaço, tempo e qualquer outra definição material. A Gucci categoriza Mémoire d’une Odeur como uma “fragrância universal”, ou seja, trata-se de um perfume unisex. Na hora de desenvolver a essência, Alessandro Michele se inspirou no “poder das memórias que podem ser revividas no presente”, exatamente o que transmite a essência do cantor.

“Gosto de uma fragrância que tenha alguma emoção por trás dela”, diz o cantor e compositor e estrela da campanha de fragrâncias Mémoire d’une Odeur da Gucci. “O desencadeamento de memórias do olfato é muito forte para todos. Minha mãe sempre usou o mesmo perfume. Cheira a velas romanas e jasmim. Então, toda vez que sinto o cheiro, me sinto como uma criança novamente. Eu sinto que todo mundo tem isso.”

As notas de topo são Camomila e Amêndoa Amarga, já as notas de coração são Almíscar, Jasmim Indiano e Jasmim, e as notas de fundo são Sândalo, Cedro e Baunilha.

Livros

Na literatura você pode fazer uma viagem para outros lugares e, nesse universo, não falta música. Veja algumas recomendações de livros

Tarantula

Tarântula é o único livro de ficção de Bob Dylan e lhe rendeu o Nobel de Literatura de 2016. Lançado em 1971, ele funciona como o braço literário de sua criação musical. A obra não tem um formato específico. Poemas, prosas poéticas, textos. “Tudo aquilo que eu não posso cantar ou que é longo demais para ser um poema”, declarou Dylan, que já chamou a obra de romance.

Os textos do livro foram escritos em 1965, quando eram lançados “Bringing It All Back Home”, “Highway 61” e “Blonde on Blonde”.

As Letras dos Beatles

Escrito por Hunter Davies, amigo da banda em seu ápice e autor da única biografia autorizada dos Beatles. O autor foi reunindo os manuscritos que se tornaram as marcantes canções do grupo. Letras que mudariam e que até foram totalmente descartadas.

A obra fornece uma visão do processo de criação dos Beatles. Quase todas as canções têm uma grande história por trás, de Yesterday a Eleanor Rigby há uma viagem a embarcar no submarino amarelo deste livro.

Colecionáveis

Se seu pai gosta de música, colecionáveis de seus cantores favoritos serão o presente ideial. Desde figuras realistas até as mais caricatas.

Pop Funkos

Os cabeçudinhos caricatos do seu artista favorito têm muitos detalhes e cobrem várias fazes da vida dos artistas. Desde rockeiros até divas pop, seu pai vai adorar a homenagem.

Vinho

Vinhos também são um grande presente para o pai. Se ele aprecia um bom vinho não faltarão opções; sejam de tintos, roses ou brancos. Existem rótulos de todas as qualidades e preços.



Source link