Criada em 2003, a honraria já prestigiou representantes do Brasil, como Anderson (2008) e Alexandre Pato (2009), além dos craques Lionel Messi, Wayne Rooney, Kylian Mbappé e Erling Haaland

Pierre-Philippe MARCOU / AFPCamavinga é uma das principais joias do Real Madrid
Camavinga é uma das principais joias do Real Madrid

O jornal esportivo italiano “Tuttosport” divulgou nesta sexta-feira, 14, os finalistas ao prêmio Golden Boy, que congratula o melhor jogador sub-21 anualmente. Após lançar uma relação com 100 indicados, o periódico reduziu os concorrentes a uma lista com apenas 20 jogadores. Único brasileiro na briga pela honraria em 2022, o lateral direito Yan Couto, revelado pelo Coritiba e que foi emprestado pelo Manchester City ao Braga, está fora da final. Entre os favoritos deste ano estão os espanhóis Gavi e Pedri, do Barcelona, o inglês Bellingham, do Borussia Dortmund, e o francês Camavinga, do Real Madrid, são apontados pela imprensa como favoritos. Criada em 2003, a honraria já prestigiou representantes do Brasil, como Anderson (2008) e Alexandre Pato (2009), além dos craques Lionel Messi, Wayne Rooney, Kylian Mbappé e Erling Haaland. O atual campeão é o meia Pedri, do Barça.

Veja os finalista do Golden Boy 2022:

  • Karim Adeyeme – Borussia Dortmund
  • António Silva – Benfica
  • Jude Bellingham – Borussia Dortmund
  • Eduardo Camavinga – Real Madrid
  • Fábio Carvalho – Liverpool
  • Ansu Fati – Barcelona
  • Gavi – Barcelona
  • Wilfried Gnonto – Leeds
  • Ryan Gravenberch – Bayern de Munique
  • Josko Gvardiol – RB Leipzig
  • Fabio Miretti – Juventus
  • Jamal Musiala – Bayern de Munique
  • Nico – Valencia
  • Nundo Mendes – PSG
  • Pedri – Barcelona
  • Giorgio Scalvini – Atalanta
  • Benjamin Sesko – RB Salzburg
  • Mathys Tel – Bayern de Munique
  • Destiny Udogie – Udinese
  • Nicola Zalewski – Roma

Todos vencedores do Golden Boy:
2021 – Pedri (ESP) – Barcelona
2020 – Erling Haaland (NOR) – Borussia Dortmund
2019 – João Félix (POR) – Atlético de Madrid
2018 – De Ligt (HOL) – Ajax
2017 – Mbappé (FRA) – Monaco/PSG
2016 – Renato Sanches (POR) – Benfica/Bayern de Munique
2015 – Anthony Martial (FRA) – Monaco/Manchester United
2014 – Sterling (ING) – Liverpool
2013 – Pogba (FRA) – Juventus
2012 – Isco (ESP) – Málaga
2011 – Götze (ALE) – Borussia Dortmund
2010 – Balotelli (ITA) – Internazionale/Manchester City
2009 – Alexandre Pato (BRA) – Milan
2008 – Anderson (BRA) – Manchester United
2007 – Agüero (ARG) – Atlético de Madrid
2006 – Fàbregas (ESP) – Arsenal
2005 – Messi (ARG) – Barcelona
2004 – Rooney (ING) – Everton/Manchester United
2003 – Rafael van der Vaart (HOL) – Ajax





Source link

Comente a matéria: