Serviço de internet Starlink ajuda que civis e militares ucranianos se mantenham conectados durante a guerra contra a Rússia

Brendan Smialowski/AFP – 09/03/2020Elon Musk, fundador da SpaceX, fala durante o Satellite 2020 no Washington Convention Center em Washington, DC.
Bilionário Elon Musk é considerado o homem mais rico do mundo

O bilionário Elon Musk, considerado o homem mais rico do mundo, afirmou neste sábado, 15, que sua empresa de foguetes SpaceX continuará a financiar seu serviço de internet, Starlink, na Ucrânia, um dia depois de afirmar que não poderia mais se dar ao luxo de fazer isso. Musk escreveu no Twitter: “‘Que se dane’… mesmo que a Starlink ainda esteja perdendo dinheiro e outras empresas estejam recebendo bilhões de dólares dos contribuintes, vamos continuar financiando o governo ucraniano”. Não ficou imediatamente claro se a oferta de Musk era genuína ou se ele estava expressando sarcasmo. A SpaceX não respondeu imediatamente a um pedido de comentário. Na sexta-feira anterior, dia 14, Musk havia dito que a SpaceX não poderia financiar indefinidamente o Starlink na Ucrânia. O serviço ajudou civis e militares a permanecerem online durante a guerra com a Rússia. Ele fez sua observação após uma reportagem da mídia que de que a SpaceX havia solicitado ao Pentágono que pagasse pelas doações do Starlink.

*Com informações da Reuters





Source link

Comente a matéria: