O cantor britânico Elton John adiou esta terça-feira duas atuações nos Estados Unidos, que fazem parte de uma longa digressão de despedida, depois de testar positivo para a COVID-19.
Publicidade 

“É sempre uma grande concepção adiar os concertos sociais e sinto-me por isso, mas quero manter minha equipa em segurança”, disse o músico de 74 anos num comunicado nas redes sociais, em referência ao adiamento de duas atuações em Dallas, no estado do Texas.

“Felizmente, estou vacinado e com uma dose de reforço, e os meus sintomas são leves”, assinalou.

Os concertos, que são parte da digressão “Farewell Yellow Brick Road”, estavam programados para os dias 25 e 26 de janeiro. Tanto Elton John como o American Airlines Center de Dallas, o local onde decorreriam os espetáculos, avisaram que os eventos serão remarcados e que os fãs devem manter seus bilhetes.

John garantiu que espera estar saudável o suficiente para seu próximo concerto, no dia 29 de janeiro, em Little Rock, no estado do Arkansas.

A digressão, que está sendo considerada como a última do artista, tem-se deparado com cancelamentos e adiamentos por causa da pandemia de coronavírus.



Com informações de Sapo Mag

Comente a matéria: