É indiscutível que a artista norte-americana Cyndi Lauper marcou gerações com diversos de seus singles atemporais, e entre eles, um dos mais memoráveis foi o cover “Girls Just Wanna Have Fun”. Nesta matéria você confere um pouco mais sobre a música e a história por trás da letra.

A começar por um detalhe interessante, relembrado pela estrela de 66 anos em sua autobiografia “Cyndi- Minha História”, no clipe do hino “Girls Just Want To have Fun”, a sua mãe atuou ao seu lado. Aliás, mais de dois milhões de cópias foram vendidas do hit, com isso a personalidade conquistou três discos de ouro e dois de platina.

Vale destacar que a versão original foi escrita, gravada e interpretada pelo músico estadunidense Robert Hazard, lançada no ano de 1979. O artista tinha gravado com sua banda, chamada The Heroes, com a intenção de conseguir um contrato com uma gravadora.

O disco do grupo seria produzido por Richard E. Chertoff, que naquela época já tinha uma lista de músicas separadas antes mesmo de saber quem seria o artista escolhido para gravá-las. E entre os singles selecionados estava “Girls Just Wanna Have Fun”, com a letra de Robert.

A princípio não foi nada fácil convencer Lauper a gravar algo que ia contra seus ideais e gostos, assim, foram diversas tentativas do produtor, que até mesmo chegou a levá-la para assistir um show de Hazard.

Depois de várias argumentações e contra argumentações, Richard finalmente conseguiu convencer a cantora de que a música poderia ter um sentido diferente se fosse gravada por uma mulher com uma outra visão e perspectiva. E foi exatamente o que aconteceu.

Com a autorização de Robert Hazard, Cyndi Lauper fez algumas alterações na letra e regravou a música que viria a ser um hino do movimento feminista na década de 80.

Assim, a temática feminina da versão da artista não surgiu por acaso. Lauper, com permissão do autor, mudou a letra em sua nova versão. Na primeira, o single apresentava uma análise masculina, porém de acordo com o que a própria cantora disse em uma entrevista, ela sentiu que precisava do ponto de vista feminino.

Eu tinha uma visão diferente, é óbvio. Ele é homem, não iria escrever o que uma mulher cantaria sobre isso. Eu estava preocupada com a forma como isso seria feito e ele disse: ‘bem, pensei no que isso poderia significar’. Então as partes que eram muito masculinas e não pertenciam ao que eu queria dizer foram cortadas”, disse ela na época.

Confira a 1ª versão:



“Girls Just Wanna Have Fun” foi o primeiro grande lançamento dela como artista solo e foi o primeiro a compor seu álbum de estreia “She ‘s So Unusual” (1983). E é claro que como o esperado, com uma temática tão atrativa, o single fez um grande sucesso, não só entre a visão dos grandes críticos mas nas principais paradas musicais pelo mundo também.

Basicamente, Cyndi Lauper transformou a música “Girls Just Wanna Have Fun” em um verdadeiro hino que transparece toda a força feminina, além da libertação e a arte de viver a vida de uma maneira divertida, sem preocupações.

No mesmo ano em que foi lançada, a música alcançou o 2º lugar na Billboard Hot 100 dos EUA, além de se destacar em diversas outras lista renomadas, como ” Rolling Stone & MTV : ‘100 Greatest Pop Songs’: 1-50″, ” Rolling Stone : “The 100 Top Music Videos”” e as listas ” VH1 : 100 Greatest Videos”, que a classificaram em 22º, 39º e 45º lugar, respectivamente.

Outro destaque que Lauper obteve na época na indústria musical, foi uma super produção de seu videoclipe. Vale lembrar antes de qualquer coisa que por conta dele, ela foi indicada duas vezes ao Grammy na categoria Gravação do Ano e Melhor Performance Vocal Pop Feminina.

Um fato interessante é que com um custo impressionantemente muito baixo, o videoclipe custou aproximadamente US$35.000 devido a grande parte do elenco ter sido composta por voluntários além do empréstimo gratuito do equipamento.

O vídeo foi dirigido pelo produtor de televisão norte americano e diretor de videoclipes, muito reconhecido na indústria, Edd Griles. Além disso, foi produzido por Ken Walz, enquanto o diretor responsável pela fotografia foi Francis Kenny.

O clipe foi filmado no Lower East Side de Manhattan no verão do ano de 1983 e estreou na televisão pouco tempo depois, em dezembro de 1983. E provando ser uma das obras mais inesquecíveis do mundo da música, ele ultrapassou oficialmente um bilhão de visualizações no YouTube em janeiro deste ano de 2022.

Relembre:



Veja também:

DICAS DA SEMANA (22/08 A 26/08)

“CALM DOWN”: NOVA COLABORAÇÃO DE REMA E SELENA GOMEZ



Source link

Comente a matéria: