A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) do Rio de Janeiro vai intensificar a partir de amanhã (17) a busca ativa de crianças que não se vacinaram contra poliomielite na capital. 

Dados da secretaria indicam que com a cobertura vacinal de apenas 51%, cerca de 160 mil crianças de 1 a 4 anos ainda não compareceram aos postos para receber a dose extra da vacina contra a paralisia infantil no município. “O esquema vacinal da pólio é composto por doses aos dois, quatro e seis meses de idade, e mais uma gotinha aos 15 meses e aos 4 anos. Em complemento, está sendo aplicada mais uma dose de reforço para crianças entre um e quatro anos”, informou a pasta.

A intenção da secretaria com a intensificação da busca ativa, além da aplicação de todas as doses da vacina, é atualizar a caderneta de vacinação das crianças entre 2 meses e 14 anos. “Para garantir que estejam em dia com todas as vacinas recomendadas para cada faixa etária”, completou.

O secretário Daniel Soranz dará mais informações sobre as ações que serão realizadas, durante atendimento à imprensa, nesta segunda-feira, no Centro Municipal de Saúde Píndaro de Carvalho Rodrigues, na Gávea, zona sul da cidade.



Source link

Comente a matéria: