O pré-candidato a governador da Paraíba pelo PTB, Nilvan Ferreira, foi o entrevistado do programa Frente a Frente desta segunda-feira (14). O apresentador voltou a criticar a gestão de João Azevedo (Cidadania) a frente do governo do Estado, fez duras criticas ao prefeito de João Pessoa, Cicero Lucena (Progressistas) e ao passaporte da vacina.

Nilvan criticou o passaporte da vacina nas escolas publicas e disse que o Estado não pode querer “mandar na casa dos outros”, pare ele existe pais que não estão seguros com a vacinação infantil e tem direito de não quer vacinar seus filhos, ele questionou porque a exigência só é feita para as escolas públicas, “só filho de pobre pega Covid?”.

Publicidade

O apresentador repercutiu as pesquisas eleitorais que são realizadas durante a eleição, e disse que “elas não tem credibilidade”. “A realidade das ruas não é o que as pesquisas mostram, geralmente as pesquisas se transforma em negócios” .

A primeira pesquisa eleitoral para o governo da Paraíba realizada em 2022 mostra o atual governador, João Azevêdo (Cidadania) na dianteira da preferência da população, com 40,7% das intenções de voto.

Realizada em parceria entre o Instituto Datavox e o portal PB Agora, a pesquisa aponta o deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB) em segundo lugar, com 14,2%. Em seguida vem o senador Veneziano Vital (MDB), com 6,6%, o ex-prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PT) com 5,9%, Nilvan Ferreira (PTB) com 3,2% e a vice-governadora do estado, Lígia Feliciano (PDT) com 1%.

Nilvan destacou que sempre será oposição a João Azevedo e sem citar nomes, criticou quem estava ao lado do gestor e hoje se coloca como oposição para concorrer contra o governador nas eleições deste ano. 


Fonte: Polêmica Paraíba


Créditos: Polêmica Paraíba

Comente a matéria: