O pré-candidato a deputado federal Vieirinha, comentou pesquisa encomendada pelo PBAgora/DATAVOX, onde aparece o governador João Azevedo com 40,7% contra 14,2% de Pedro Cunha Lima.

Alinhado com seu pré-candidato ao Governo do Estado, Vieirinha concorda com Pedro Cunha Lima de que  é muito cedo para avaliar um possível quadro para outubro, mas, ainda assim, se mostra satisfeito, uma vez que além do atual governador ter a maior rejeição,  desde que entrou no cargo que já é pré-candidato, ao contrário de Pedro Cunha,  que se lançou há pouco mais de 40 dias e pontua na vice-liderança.

Publicidade

Vieirinha avaliou ainda que o atual governador do Estado só veio poucas vezes a Patos,  tendo como aliados um deputado federal, deputado estadual, o prefeito da cidade  e não se sensibiliza em resolver os problemas mais pertinentes, como: saúde, educação, segurança pública e a promessa recorrente da reforma do aeroporto, onde, devido à falta de estrutura, aeronaves não podem pousar, quando existe mau tempo.

O Parque Religioso Cruz da Menina, um lugar turístico e de devoção, que recebe pessoas de todo o Brasil, continua com as obras sem conclusão.

Nas emissoras de rádio, a gente escuta a população pedir ao aliado de João Azevedo, o prefeito, resolução de problemas de iluminação pública, galerias estouradas, lixo nas calçadas, sinalização de trânsito com faixas de pedestres apagadas, cachorros soltos nas ruas, atacando as pessoas e matando outros animais, unicamente  por  conta da fome, sem que se tome alguma providência.

O prefeito de Patos, garantiu que, logo assumisse a prefeitura, resolveria os problemas da cidade em seis meses, entregaria a UPA inacabada do Jatobá, com ajuda do Governo do Estado e nada disso é resolvido.

Sobre boatos de sua desistência da pré-candidatura a deputado federal, Vierinha  afirmou que isso não procede e que já está vacinado quanto a esse tipo de comentário da velha política.

“Essa é a terceira vez que  me candidato a deputado federal e em nenhuma das oportunidades, desisti. Continuo firme com o proposito de servir ao meu povo, ao contrário de oportunistas de última hora, que se aproveitam dos eleitores patoenses”.

Vieirinha acredita que, com o fim das coligações, terá grandes chances de chegar à Câmara Federal e fazer muito por Patos e a Paraíba, já que, até agora, nossos representantes não tiveram esse respeito para com seus eleitores.

Ainda, segundo Vieirinha já teve três encontros com o seu pré-candidato a governador Pedro Cunha Lima, uma vez em João Pessoa, outra em Campina Grande e acompanhando Pedro na Rádio Espinharas e  que tem passado para Pedro todos os problemas que Patos vem passando, uma vez que  foi a primeira liderança política de Patos a dar  apoio incondicional a Pedro Cunha Lima.

Quanto ao retrato da pesquisa, veremos no decorrer dos dias, a verdade nas ruas.


Da Assessoria

Comente a matéria: