A novela envolvendo a saída de Neymar do Paris Saint-Germain ganhou novos capítulos nesta quarta-feira, 19. O jornal espanhol El País informou que o clube francês estuda acelerar a negociação do jogador brasileiro na próxima janela de transferências para poder manter Kylian Mbappé satisfeito no projeto. De acordo com a reportagem, a ida do brasileiro ao Chelsea, em julho, só não aconteceu pelo fato de estar sete quilos acima do peso.

Assine #PLACAR por apenas R$ 9,90/mês. Não perca!

O El País explica que o PSG está convencido de que “a presença de Neymar impede o crescimento da equipe” e traça como paralelo o fato de que que Mbappé, ao renovar seu contrato, exigiu “rigor” do clube em relação ao profissionalismo do elenco.

O jornal também conta que na última janela Neymar recebeu apenas uma proposta oficial, do Newcastle, negada pelo brasileiro. O Chelsea, por sua vez, ficou temeroso na aposta devido a temporada anterior, considerada discreta e com apenas 28 partidas disputadas das 50 dos franceses em toda a temporada.

O plano do clube, dessa vez, é conseguir uma cessão por empréstimo ou aguardar que o bom momento vivido por ele desperte interessados no pagamento de 300 milhões de euros (1,5 bilhão de reais), algo improvável pelos 30 anos do jogador.

Continua após a publicidade

“O que Luis Campos, diretor esportivo do PSG, vê mais complicado é que essas atuações se mantenham depois da final da Copa do Mundo. [Nasser] Al-Khelaifi (presidente do PSG), segundo fontes do PSG, não tem dúvidas. Hoje, para o mandatário, a prioridade é conservar Mbappé e abrir mão de Neymar. O francês, dizem pessoas próximas, se mantém esperançoso”, explica a reportagem.

De acordo com vários meios de comunicação da Europa, como a rádio RMC e o jornal Le Parisien, da França, e o jornal Marca, da Espanha, Mbappé estaria se sentindo “traído” após renovar contrato até 2024, com opção de estender por mais um ano.

A imprensa europeia afirma que o astro de 23 anos não está se sentindo importante o suficiente dentro do projeto do PSG, como foi prometido a ele no ato da renovação no meio deste ano, quando o clube fez de tudo para impedir que ele se transferisse para o Real Madrid.

O francês já reclamou de seu posicionamento nesta temporada e se vê sem liberdade em campo comparado aos companheiros Messi e Neymar.

Ainda não assina Star+?! Clique aqui para se inscrever e ter acesso a jogos ao vivo, séries originais e programas exclusivos da ESPN! 

Continua após a publicidade



Source link

Comente a matéria: