A torcida que acompanhou o surgimento de Cristiano Ronaldo para o mundo agora tem expectativas altas com um nome argentino: Alejandro Garnacho. O atacante de 18 anos brilhou na base e subiu para o profissional do Manchester United recentemente, com a chegada de Erik Ten Hag ao comando da equipe. Desde então, apesar do pouco tempo de adaptação, a joia tem se destacado e arrancado suspiros no Old Trafford.

Assine #PLACAR digital no app por apenas R$ 9,90/mês. Não perca!

Peça fixa no elenco de Ten Hag e seu nome já não é desconhecido entre os torcedores do Manchester United. O jovem atacante Garnacho tem entrado cada vez mais em campo. Neste domingo, 14, o argentino participou do Derby da cidade e foi responsável direto pela virada contra o rival City, servindo o gol de Rashford.

Alejandro Garnacho Ferreyra nasceu em Madrid, na Espanha, e fez parte da base no Atlético de Madrid. O jovem se transferiu para a Inglaterra e brilhou cada vez mais, até chamar a atenção do treinador neerlandês e subir para o profissional.

Filho de argentina, o parentesco permitiu que o atacante fosse convocado pela Albiceleste e defendesse a seleção no torneio de base de Toulon. Em quatro jogos, Garnacho marcou quatro gols e deu uma assistência na competição internacional.

A estreia oficial de Garnacho no profissional do United aconteceu em agosto do ano passado, mas foram cinco minutos em campo, já no final do jogo contra o Brighton. Desde então, são 11 jogos e cinco como titular: dois gols e quatro assistências.

“Ele tem coisas para melhorar e aprender, embora obviamente estejamos felizes com seu desenvolvimento e ele possa contribuir com a equipe. Depende da atitude dele, eu sei que ele quer melhorar a cada dia e então é possível que ele joga mais”, disse Ten Hag.

Além dos números, o argentino tem intensidade de sobra para gerar volume de jogo. Destro e caindo preferencialmente pela esquerda, o jovem gosta de ‘rabiscar’ e partir para cima dos adversários.

Pode parecer lógico que o argentino tenha Lionel Messi como referência, mas o grande ídolo de Garnacho é outro atacante que brilhou no United: Cristiano Ronaldo. Apesar do desfecho desastroso entre o português e o clube inglês, os dois atacantes tiveram tempo para compartilhar o mesmo gramado e o pupilo do luso não segurou a emoção: “18 anos e 125 dias sonhando com esse momento. Obrigado, ídolo, Cristiano Ronaldo”.

Continua após a publicidade





Source link

Comente a matéria: