O PT vai tentar impedir a privatização da Companhia de Saneamento Básico de São Paulo (Sabesp). Essa será uma das prioridades do partido, na oposição ao governador do Estado, Tarcísio de Freitas, que tem a intenção de vender a companhia, até o fim do próximo ano.

“Somos radicalmente contrários”, disse ao portal UOL o deputado estadual Luiz Fernando Teixeira (PT), que presidiu a Comissão de Infraestrutura da Assembleia Legislativa de São Paulo. “Queremos a Sabesp na mão do Estado.”

Segundo o deputado, a ideia é montar uma “frente parlamentar suprapartidária” contrária à privatização, que precisa passar pela Assembleia. Além disso, Teixeira quer a ajuda do presidente Lula, para impedir a venda da Sabesp.

Planos de Tarcísio

Nesta semana, Freitas participou do Fórum Econômico Mundial, em Davos, na Suíça. Na ocasião, ele afirmou que os estudos para a privatização da Sabesp começarão imediatamente. “O saneamento básico é a bola da vez”, disse. “Os grandes investidores, fundos de investimento têm muito interesse.”

O governador acredita haver grande interesse de investidores no Brasil, e tem usado sua participação no evento para apresentar o programa estadual de investimento, incluindo concessões e privatizações. Segundo Tarcísio, o dinheiro arrecadado com a privatização da Sabesp deve ser mantido no próprio setor para investimentos e ampliação da cobertura.

Leia também: “Estatais x R$ 1 trilhão em benefício de todos” reportagem publicada na edição 106 da Revista Oeste





Source link

Comente a matéria: